InícioSenza categoriaNovas atualizações para o desenvolvimento da blockchain Tezos X: lançado novo smart...

Novas atualizações para o desenvolvimento da blockchain Tezos X: lançado novo smart rollup “Jstz” baseado em Java

Hoje, Tezos apresentou o novo smart rollup “Jstz” baseado em Java, para a sua nova versão de blockchain super escalável e interoperável Tezos X.

Jstz é capaz de se conectar verticalmente à camada-1 e melhorar a experiência do usuário.

A nova solução L2 suporta a integração da próxima onda de desenvolvedores web3, implementando a conhecida linguagem Javascript, eliminando a necessidade de bibliotecas e vários SDK.

Vamos ver todos os detalhes abaixo,

A blockchain super-escalável Tezos X: a transição de monolítica para modular

A visão inicial do projeto Tezos em 2014 previa o desenvolvimento de uma blockchain com um nível de execução monolítico, em que cada nó replica toda a atividade.

No entanto, com o passar dos anos, os especialistas do setor perceberam como essa abordagem requer uma quantidade elevada de potência de cálculo.

Para poder obter uma escalabilidade ao nível das infraestruturas de pagamento web2, seriam necessários requisitos técnicos demasiado caros e difíceis de implementar.

Exatamente por este motivo, desde 2022 Tezos está repensando sua própria arquitetura on-chain, tentando se mover de um ambiente monolítico para um modular.

O objetivo final é desenvolver a nova blockchain Tezos X, com um design próprio e uma capacidade de scaling maior.

tezos blockchain java
Nova visão Tezos X. Fonte: https://spotlight.tezos.com/tezos-x/index.html

Os princípios fundamentais desta nova infraestrutura criptográfica são a componibilidade, a escalabilidade e a interoperabilidade.

O desafio no desenvolvimento do Tezos X é, portanto, criar uma rede capaz de fazer todas as suas partes funcionarem juntas, obter um desempenho técnico melhor e ser capaz de se conectar com ambientes blockchain externos.

No centro desta estratégia estão os Smart Rollup, ou seja, redes de segundo nível dedicadas exclusivamente à execução de transações em uma perspectiva modular.

Esta tecnologia mantém o nível do consenso no L1, de forma a não sobrecarregar a operação, mantendo elevados padrões de segurança.

Em congruência com os já 1000 nós Rollup em execução no Tezos, encontramos o Data Availability Committee, um mecanismo que permite a publicação de dados dos rollup.

Além disso, recentemente foi habilitado o Data-Availability Layer para a mainnet de tezos, capaz de gerir uma grande quantidade de dados transmitidos pelos rollup.

O único limite desta nova visão é a dificuldade em atrair novos potenciais desenvolvedores.

Em um ambiente blockchain tão amplo e vasto, é de fato difícil criar uma equipe de construtores preparados para criar dapp de sucesso em Tezos X

Tezos blockchain: anunciado o lançamento do smart rollup “Jstz” com suporte Java

Para resolver o problema da interoperabilidade com os novos numerosos ambientes de programação, Tezos criou “Jstz.

Trata-se de um smart rollup L2 capaz de escalar verticalmente a blockchain de Tezos, que suporta as APIs de Javascript padrão. Isso permite que os desenvolvedores aproveitem um vasto ecossistema de ferramentas sem mais nenhum obstáculo técnico.

O rollup Jstz fornece uma capacidade de throughput semelhante à de Solana, sem necessitar de requisitos de hardware. Esta inovação elimina também o problema da fragmentação da liquidez, típica do ecossistema L2 de Ethereum.

Os smart contract de Jstz podem interagir entre diferentes linguagens de programação, melhorando significativamente a experiência de desenvolvimento web3.

De destacar também como esta nova chain de segundo nível integra a abstração de conta de maneira nativa, melhorando a UX não custodial.

Entre as suas características encontramos a presença de endereços nominativos personalizáveis com nomes familiares, com suporte DNS.

Com a evolução do Jstz foram introduzidas também funções de comunicações off-chain, que oferecem a possibilidade de chamar serviços externos, como qualquer API REST para consumir dados off-chain.

Para além das performances técnicas, Jstz destaca-se precisamente pelo suporte com Java e pelos vastos recursos de programação. Os novos desenvolvedores podem aproveitar um enorme ecossistema de ferramentas e bibliotecas JS familiares e comprovadas.

Quando completamente operativo, os desenvolvedores não devem encontrar diferenças significativas entre o uso de Jstz e qualquer outro runtime JavaScript do lado do servidor, como Cloudflare Workers. De fato, Jstz executa Java de forma nativa, sem depender de compilações de código em máquinas virtuais separadas.

À beira do sucesso do lançamento de Etherlink acolhendo desenvolvedores EVM, este smart rollup representa um passo significativo em direção ao desenvolvimento completo do Tezos X.

O novo smart rollup de Tezos derruba as barreiras de entrada dos desenvolvedores Web3

Como mencionado, a integração nativa de Java representa um pilar do desenvolvimento de Tezos X pois permite a integração de uma vasta quantidade de desenvolvedores web3.

Até hoje, de fato, as blockchains apresentam grandes barreiras de entrada para os desenvolvedores, sendo construídas com linguagens de programação e entradas diferentes.

Dezenas e dezenas de bibliotecas públicas, SDK e outras integrações singulares tornam muito complexo para os desenvolvedores o percurso de desenvolvimento em redes criptográficas.

Além disso, muitas vezes esses instrumentos não estão disponíveis e interoperáveis em outras cadeias, tornando impossível o desenvolvimento de suas frentes comunicativas diferentes.

No início do seu percurso em 2014, também Tezos estava direcionada para o uso de uma linguagem específica, criada especialmente para a implementação de smart contract.

Esta abordagem, embora tenha seu próprio fascínio, limitou muito a possível expansão do mundo blockchain fora do nicho criptográfico.

A tal propósito, segundo quanto referido pela equipe de Tezos em conferência de imprensa

“Parece que nem todos estão dispostos a enfrentar (ou podem se dar ao luxo de) o esforço extra introduzido pelo uso de uma nova linguagem de programação, e apenas uma pequena parte do já limitado grupo de engenheiros de computação a nível mundial está confortável em dar o salto.”

O lançamento de Jstz por parte de Tezos é motivado justamente para derrubar essas barreiras, implementando uma linguagem universal conhecida pela maioria dos profissionais.

Javascript, em língua inglesa, é de fato a linguagem de referência para mais de 63% dos desenvolvedores, segundo uma pesquisa de stack Overflow de 2023.

A estratégia de Tezos neste contexto é atrair o maior número possível de entusiastas de código entre os 23 milhões que operam em todo o mundo. Ao fazer isso, o desenvolvimento do seu próprio ecossistema ocorreria mais rapidamente, com a criação talvez de alguma dapp de sucesso.

Jstz derruba completamente a barreira e abre a blockchain ao mundo, aproximando-nos de um futuro amplamente interoperável.

RELATED ARTICLES

MOST POPULARS

GoldBrick